A maior Viola Caipira do mundo está em Muriaé

A maior Viola Caipira do mundo está em Muriaé

O monumento que tem o objetivo de exaltar os violeiros, fica no distrito de Boa Família na Zona da Mata mineira

Por: Nara Almeida

Com seis metros de altura, dois metros e dez centímetros de largura e sessenta centímetros de espessura, ‘A Maior Viola Caipira do Mundo’, vem da necessidade de resgatar a música caipira, dos violeiros e de desenvolver um espaço de cultura para o distrito de Boa Família, na cidade de Muriaé.

A idealizadora da Viola Caipira maior do mundo foi Giani Carla Aguiar Braga, que trabalhou por três décadas como radialista em um programa de viola caipira. Giane também fez parte da Associação de Violeiros de Muriaé e, é a autora do projeto “Uma coisa Puxa a Outra”, que vem sendo realizado na Zona da Mata, o que motivou a construção da “Maior Viola Caipira do Mundo”. Ela foi homenageada em 22 de agosto de 2019, na Câmara Legislativa de Minas Gerais pela ‘Comenda Solidariedade’, devido seu protagonismo na área cultural do munícipio e região.

A Viola está localizada dentro da propriedade de Giani, denominada o Rancho dos Aguiar Braga. O monumento foi pago com recursos próprios de sua idealizadora, apenas com o apoio de alguns amigos.  Não houve vinculo político e nem mesmo apoio da prefeitura local para a construção da Viola.

O monumento registra a sua homenagem ao violeiro José Quirino de Lourena Filho, mais conhecido como “José Olavo Violeiro”. Muito conhecido na música raiz, conquistou diversos títulos durante sua carreira, entre eles, do tradicional Festival de Piacatuba, sendo por três vezes o 1º lugar. José Olavo sempre dizia que “mesmo sendo um grupo de pessoas simples, semi-analfabetos, nós cantamos com o coração e é isso que importa”. Essa mensagem é a maior inspiração para a realização do projeto ‘A Maior Viola do Mundo’.

Foto: José Olavo Violeiro/ Reprodução Facebook

A viola fez um ano no dia 19 de julho, e dá o que falar pelas redes sociais e a todos que passam por ela. A dupla Gian e Giovane já declarou o apoio ao monumento pelas redes sociais dentre ilustres artistas e intelectuais da região.

O Flávio Vitarelli, que é consultor do Sebrae na área do Turismo, destaca a irreverência da obra. “Estou impressionado com a idealização de Giani, pela iniciativa de criar a maior Viola Caipira do mundo. É um atrativo particular mas que é um indutor do turismo para a cidade, e com isso, fomenta investimentos ao trazer o turistas para a localidade. Esta prática é comum na Europa, que é de pessoas criarem atrativos ou produtos turísticos para estimular o turismo,” disse o consultor Flávio.

Giani Carla, a idealizadora do projeto, identificou a necessidade de promover o distrito levando conhecimento e cultura; segundo ela, vai além de exaltar os violeiros de Minas Gerais em torno da maior Viola Caipira do Mundo, serão realizados diversos projetos com o propósito de construir uma rede que trabalhará em prol da sociedade, desde cursos de artesanatos, aulas de viola para crianças, jovens, adultos e idosos, todo o trabalho tem a pretensão inicial de ser voluntário, no entanto não há nada definido.

“O objetivo é trazer o fomento para esta localidade que é muito sofrida, que tem casos de violência doméstica, porém é silenciosa. A ideia é formar uma organização de mulheres para criar o artesanato local, pra gerar renda. Com a Viola, traremos um olhar sensível para a localidade, porque na verdade, se andarmos pelo Brasil ninguém vê um monumento na zona rural, somente em grandes centros,” explicou Giani Carla ao JORNAL PANORMA.  

Giani Carla, na inauguração da Viola Caipira Maior do Mundo /Foto: Silvan Alves

Outros projetos culturais que estão em andamento são as serenatas, festivais e a roda de viola, que prometem fomentar o turismo no distrito de Boa Família. Atualmente, devido a pandemia do Covid-19, Giani Carla vem protagonizando lives publicadas em sua rede social com diversidade de assuntos e, de acordo com ela, “a Viola Caipira receberá públicos que pensam diferente; ela estará aberta para a pluralidade cultural”, destacou Giani.

Dentre as centenas pessoas que a Viola já atraiu para sua contemplação, sua fama já chegou ao Planalto Central, onde há autoridades federais buscando uma forma de também fazer sua foto ao lado da maior Viola Caipira do mundo. A Maior Viola Caipira do Mundo será inscrita para entrar no Guinness World Records, que é o livro dos recordes mundiais.

Foto: Rancho dos Aguiar Braga/ Arquivo pessoal

Foto: Capa- Silvan Alves

Chuvas fortes em Minas

Chuvas fortes em Minas

Foto:Divulgação

Volume acumulado de água deve chegar até 250 mm até este sábado

Entre esta quarta-feira (22/1) e o meio-dia de sábado (25/1), a maior parte de Minas Gerais deve enfrentar chuvas fortes, com grande volume de água. Ao todo, estão previstos 250 milímetros, no acumulado de 72 horas, como afirma a meteorologista do Instituto Mineiro de Gestão das Águas (Igam), Laís Alves Santos. Ela explica que os temporais devem ocorrer principalmente durante a noite e a madrugada. 


Foto:Divulgação

As rajadas de vento podem chegar a até 80 quilômetros por hora e no Sul de Minas há chance de granizo. Segundo Laís, as regiões mais afetadas do estado serão Central, Sul, Oeste e Leste. Em um primeiro momento, os temporais ficam concentrados na Zona da Mata, no Vale do Rio Doce e no Vale do Mucuri. Em seguida, a situação climática se estende para a Grande BH e para as demais áreas. 

“Infelizmente, não conseguimos precisar como será essa divisão das tempestades. Os modelos meteorológicos trazem certezas e incertezas, mas essa situação está aparecendo há mais de dez dias. Existe uma oscilação dessa nebulosidade, mas em algumas regiões pode chover o acumulado do dia inteiro em apenas uma hora”, diz. 

Fonte: Agência Minas

Alerta de chuva, de moderada a forte intensidade

Confira as cidades que estão em alerta no estado de Minas Gerais:

Belo Horizonte e Região Metropolitana, Frutal, Ituiutaba, Uberlândia, Patrocínio, Uberaba, Araxá, Passos, Pimhui, São Sebastião do Paraíso, Poços de Caldas, Pouso Alegre, Itajubá, Santa Rita do Sapucaí, Alfenas, Campo Belo, Varginha, São Lourenço, Lavras, Andrelândia, Juiz de Fora, São João del Rei, Oliveira, Formiga, Divinópolis, Bom Despacho, Patos de Minas, Paracatu, Três Marias, Pará de Minas, Itaguara, Conselheiro Lafaiete, Barbacena, Cataguases, Ubá, Viçosa, Muriaé, Ouro Preto, Ponte Nova, Manhuaçu, Itabira, Sete Lagoas, Curvelo, Pirapora, Unaí, Januária, Montes Claros, Bocaiúva, Grão Mogol, Janaúba, Salinas, Pedra Azul, Almenara, Araçuaí, Nanuque, Teófilo Otoni, Peçanha, Governador Valadares, Conceição do Mato Dentro, Ipatinga, Caratinga e Aimorés.

Fonte: SIMGE/IGAM, válido até as 16:00 horas 23/01/2020.