Folia de Reis Estrela de Ouro, de Passa Vinte, visita Santuário em Liberdade

Folia de Reis Estrela de Ouro, de Passa Vinte, visita Santuário em Liberdade

O grupo de Folia de Reis Estrela de Ouro, de Passa Vinte, é um dos mais tradicionais do município e um dos responsáveis por manter viva a tradição das folias na região. No final de 2019, em uma visita ao Santuário do Bom Jesus do Livramento, em Liberdade, o mestre Rogério Gonçalves de Almeida e os demais foliões puderam renovar sua fé e devoção à Sagrada Família, além de pedir bênçãos para a festa dos Santos Reis.

A Folia de Reis, ou Reisado, é uma festa tradicional e popular brasileira celebrada na religião católica com o intuito de comemorar a visita dos Três Reis Magos Gaspar, Melchior (ou Belchior) e Baltazar ao Menino Jesus. A celebração dura 12 dias, de 24 de dezembro a 6 de janeiro, data em que se comemora o Dia de Reis. Em 2017, o Conselho Estadual de Patrimônio de Minas Gerais declarou a Folia de Reis como Patrimônio Imaterial do Estado. Além dos mineiros, outros estados ainda mantêm viva a tradição das folias, como Rio de Janeiro, São Paulo, Bahia, Espírito Santo e Goiás.

Fotos: Prefeitura de Passa Vinte

Tradição em louvor aos Três Reis Magos se mantém viva em Santa Rita de Jacutinga

Tradição em louvor aos Três Reis Magos se mantém viva em Santa Rita de Jacutinga

No dia 11 de janeiro, a Praça da Estação, em Santa Rita de Jacutinga, recebeu a quarta edição do Encontro de Folias de Reis. O evento teve apoio da Prefeitura Municipal, do Conselho Municipal de Patrimônio Histórico, Artístico e Cultural e da Paróquia Santa Rita de Cássia.

Ao todo, seis folias participaram do momento: Folia de Reis Gomes, Folia de Reis Dona Clara, Folia de Reis Santos Reis, Folia de Reis Padaria Velha, Folia de Reis Estrela Guia – todas de Santa Rita de Jacutinga –  e a Folia de Reis Amigos de Jornada, do município de Rio Preto. O início da festa contou com a apresentação das bandeiras das companhias presentes e a benção do Padre Márcio Aurélio, pároco da cidade.

Em todas as apresentações, a fé e alegria em anunciar o nascimento do Menino Jesus estavam presentes. A energia dos palhaços, com seus pulos e divertidos versinhos, divertiu a todos que puderam acompanhar do momento cultural.

A Folia de Reis, ou Reisado, é uma festa tradicional e popular brasileira celebrada na religião católica com o intuito de comemorar a visita dos Três Reis Magos Gaspar, Melchior (ou Belchior) e Baltazar ao Menino Jesus. A celebração dura 12 dias, de 24 de dezembro a 6 de janeiro, data em que se comemora o Dia de Reis. Em 2017, o Conselho Estadual de Patrimônio de Minas Gerais declarou a Folia de Reis como Patrimônio Imaterial do Estado. Além dos mineiros, outros estados ainda mantêm viva a tradição das folias, como Rio de Janeiro, São Paulo, Bahia, Espírito Santo e Goiás.

A alegria e animação dos palhaços contagiam a todos
A tradição da Festa de Reis nos bairros rurais de Aiuruoca

A tradição da Festa de Reis nos bairros rurais de Aiuruoca

Em 6 de janeiro, os bairros Campina, Cangalha, Quatro Óleos, Pedra, Nogueira e Guapiara, realizaram a Festa de Reis que é uma das tradições populares, folclóricas e religiosas mais expressivas em Minas Gerais, que caracteriza a adoração dos Reis Magos (Belchior, Baltazar e Gaspar) ao nascimento de Jesus. Na tradição da cultura brasileira, os festejos de Natal eram comemorados por grupos que visitavam as casas, tocando músicas alegres em louvor aos “Santos Reis” e ao nascimento de Cristo; essas manifestações festivas estendiam-se até a data consagrada aos Três Reis Magos, comemorado no dia 6 de janeiro, trazida ainda no período colonial pelos portugueses e hoje é uma tradição que se mantém viva em muitas regiões do País, sobretudo nas pequenas cidades dos estados de São Paulo, Minas Gerais, Sergipe, Bahia, Espiríto Santo, Paraná, Rio de Janeiro e Góias.

Em Aiuruoca, diversos bairros permanecem com essa manifestação cultural, que é comemorada com música e comida, é um momento de grande confraternização.

Fotos e informações: Segredos de Aiuruoca