Cemig divulga nota sobre apagão no Réveillon em Alagoa

Cemig divulga nota sobre apagão no Réveillon em Alagoa

A empresa energética garantiu fazer novos investimentos no município

Na última semana o município de Alagoa, ficou por 40 horas sem energia elétrica durante a passagem de ano devido a uma arvore que caiu na fiação e deixou os cidadãos totalmente no escuro e incomunicáveis. Em meio a muitos prejuízos, políticos e empresários cobram a Companhia de Energética, que se manifestou por meio de nota:

“A Cemig informa que a falta de energia registrada nos dias 31 de dezembro e 1º de janeiro em Alagoa, no Sul de Minas, teve como causa a queda de árvores de grande porte sobre a rede que abastece o município, provocadas por tempestades acompanhadas de fortes ventania, que atingiram a região. A queda das árvores causou a quebra de postes e o rompimento de cabos em local de difícil acesso na região da serra da Mantiqueira.  De forma imediata, 14 eletricistas iniciaram atendimento para o restabelecimento da energia, atuando durante toda a madrugada do primeiro dia do ano. Os trabalhos foram prejudicados pela complexidade dos danos e, principalmente, pela dificuldade de deslocamento, já que estradas e vias foram interditadas por causa da chuva. Na manhã de sábado (1º/01), com o apoio de tratores e maquinário cedidos pelas prefeituras para auxiliar no transporte de postes e equipamentos, foi possível acessar o local por meio de uma via alternativa, pelo município de Itamonte.

A Cemig informa ainda que realiza atualmente o maior programa de investimentos de sua história, com R$ 22,5 bilhões em investimentos até 2025, que contemplam a construção de uma nova linha para alimentação de energia a Alagoa. As obras já foram iniciadas e vão permitir uma alternativa de abastecimento ao município em situações emergenciais como essa.”