“NÃO SE PRESERVA A MEMÓRIA DE UM POVO

SEM O REGISTRO DE SUA HISTÓRIA”

A Prefeitura de Betim está dando mais um passo importante na reestruturação da rede de ensino, garantindo a oferta de vagas para o ensino público municipal, ao assumir a gestão da Escola Estadual Silvio Lobo. Com a mudança, que deve ser efetivada em até três meses, a unidade será denominada Escola Municipal Silvio Lobo, ofertando mais de 500 vagas para alunos do 1º ao 9º ano do Ensino Fundamental.

Em junho de 2021, a atual gestão municipal assinou o termo de adesão ao projeto Mãos Dadas, do Governo de Minas Gerais, que está regularizando a oferta da educação pública dos municípios e do Estado – sendo responsabilidade do município a educação básica (educação infantil e ensino fundamental) e do Estado o ensino médio.

Desde então, Betim está absorvendo alunos matriculados no ensino fundamental de 15 escolas estaduais e, em contrapartida, o Estado disponibiliza recursos para a construção de oito novas instituições de ensino e para a formação de professores. A prefeitura já deu início à construção de três unidades – nos bairros Sítio Poções, Vila Cristina e Icaivera – para ampliar a oferta de vagas do município.

Dentre as negociações para aderir ao projeto Mãos Dadas e absorver cerca de 3.500 alunos, a Prefeitura de Betim identificou um terreno municipal que, em gestões anteriores, foi cedido ao Estado para a construção de uma escola. O município abriu negociação e o Governo de Minas autorizou que o prédio da escola estadual Silvio Lobo, no bairro Filadélfia, fosse repassado ao município.

O prédio passou por avaliação dos engenheiros da secretaria de Ordenamento Territorial e Habitação (Sorteh) para receber adequações e reformas e, assim, atender melhor os alunos e os profissionais. A edificação recebeu nova pintura; correção e troca de portas, de bebedouros e de lâmpadas; correção da rede elétrica; e limpeza. Além disso, foram instalados na unidade dez televisores e 22 computadores.

“Garantir boa qualidade no ensino da rede pública municipal e erradicar o analfabetismo funcional tem sido uma de nossas prioridades. Essa é uma conquista importante para a comunidade escolar, pois, com as novas instalações, poderemos receber mais estudantes do ensino fundamental com conforto e qualidade”, destaca a secretária municipal da Educação, Marilene Pimenta.

Com informações e fotos da Prefeitura de Betim