Segundo a PM, os filhos da mulher e do suspeito estavam amarrados, sujos e subnutridos

A Polícia Militar de Guaratiba, no Estado do Rio de Janeiro, encontrou em cárcere privado, um casal de jovens amarrados em um dos cômodos da casa, após denúncia anônima.

Soldados do 27º BPM do Rio de Janeiro soltaram, na manhã desta quinta-feira, 28, uma mulher e dois jovens que permaneceram em cárcere privado há 17 anos. O suspeito de prendê-los é o esposo da mulher e pai dos jovens, Luiz Antônio Santos Silva.

De acordo com os militares, dois jovens – um rapaz de 19 anos e uma moça de 22 anos de idade. Eles estavam subnutridos e sujos. O serviço móvel de urgência foi acionado e o pai dos jovens foi preso pelo crime de maus tratos e cárcere privado.

A 43ª delegacia de polícia de Guaratiba segue na investigação do caso.