Lutadora revela ao Jornal Panorama sua emoção na conquista medalha de ouro no Pan-Americano de MMA, no México

No segundo dia do Campeonato Pan-Americano da IMMAF 2022, realizado no México, marcou a vida de Ana Vitória Diniz, de Bocaina de Minas. A atleta de 20 anos, venceu a uma luta em um feito inédito nesta edição.

No México, a brasileira lutou contra duas mexicanas para conquistar o título na competição. Desde criança Ana Vitória pratica esporte, voltado à lutas marciais. A atleta venceu uma atleta mexicana com apenas 35 segundos de luta.

Ana revela ao Jornal Panorama sua trajetória da grande conquista. “Ganhei a primeira com finalização em arme lock”, relembra a jovem. Para o título Ana Vitóra enfrentou outra atleta mexicana e destaca sobre a luta, “a segunda em leg lock e premiação de finalização mais rápida do evento”, completa.

Durante a comemoração, Ana Vitória concede a sua conquista ao seu irmão, Helthon Sampaio. Grande incentivador em sua trajetória. Foi o professor de educação física o que apresentou o esporte a irmã, que ainda quando criança conquistou diversas medalhas no jiu jitsu. E essa paixão só se transformou, fazendo com que a jovem enfrentasse novos desafios. Em sua caminha, Ana Vitória tomou decisões importantes com o apoio da família, como integrar na academia Ribas, em Varginha.

A mineira é integrante da delegação brasileira de artes marciais mistas na competição. Veja os principais momentos da competição com os vídeos e fotos enviados pela atleta.

Parabéns, Ana Vitória Diniz! Sua conquista marca sua trajetória, e com certeza, sua vida será de muitos pódiuns. Sucesso!

Fotos/Vídeos: Arquivo Pessoal Ana Vitória Diniz / IMMA