No segundo dia do Campeonato Pan-Americano da IMMAF 2022, o evento começou às 11h (horário local), ao todo foram vinte e três lutas que aconteceram no Cage 1, das quais dezoito terminaram por finalização.

Ana Vitória, natural do município de Bocaina de Minas, tem 20 anos de idade, e desde criança ela pratica esporte, voltado a lutas marciais. A atleta venceu uma atleta mexicana com apenas 35 segundos de luta.

Além de Ana Vitoria, outras duas brasileiras também garantiram a vaga na final, após finalizar cada um de seus adversários.  Giulliany Perea e Josiane Oliveira.

A mineira é integrante da delegação brasileira de artes marciais mistas na competição.

No México, a brasileira lutou contra duas “donas da casa” para conquistar o título na competição.

Informações e Fotos: reprodução/redes sociais IMMAF