A entrega oficial do Plano Estratégico de Desenvolvimento de Rio Preto ocorreu essa semana, porém sua elaboração, realizada pelo Sebrae em parceria com o poder público municipal vem ocorrendo desde o final de 2021. Os desdobramentos de todo esse diagnóstico inicial já vem acontecendo e traz ações concretas, por parte de toda a sociedade rio-pretana – poder público, empresários, produtores, lideranças -, que preveem impactar na melhoria de vida para todos, com o desenvolvimento de diversos setores econômicos locais já existentes.

O planejamento tem como principal objetivo identificar as prioridades dos setores econômicos do município, destacando seus pontos fortes e entendendo os pontos que precisam ser melhorados em todas as cadeias de negócio, traçando um plano de ação para o seu fortalecimento. A expectativa é que, a partir deste plano, haja uma visão compartilhada das prioridades destes setores econômicos e que as entidades de classe, governo, demais instituições e lideranças se organizem para a sua implantação.

Tal ação visa facilitar a busca de recursos e parcerias para a construção de um município melhor e mais competitivo. Para que tal objetivo seja alcançado, é imprescindível a aproximação de empresários, lideranças, entidades de classes, governo e demais instituições para pensar de forma estratégica o desenvolvimento econômico da cidade, formando uma verdadeira aliança para o crescimento.

De acordo com o analista do Sebrae, Tarcísio Fagundes, “todos precisam entender seu papel e saber que suas ações de agora vão gerar frutos, retorno e crescimento econômico para a cidade num futuro próximo. O empresário do comércio, por exemplo, que apoiar ações do turismo, acaba recebendo retorno, seja por meio da geração de emprego e renda no município, seja através da busca de ações para atração desse público para os seus empreendimentos”.

A estruturação do plano foi dada em seis etapas e são seis os eixos temáticos no qual estão sendo construídos planos para a realização de ações simples, porém de impacto positivo na economia da cidade.

O Plano de Desenvolvimento foi estruturado em seis etapas: – Articulação e sensibilização de lideranças;- Lançamento oficial dos trabalhos;- Elaboração do diagnóstico preliminar;- Seminário de diagnóstico;- Validação do plano junto ao poder público;- Apresentação do Plano.

Os objetivos estratégicos para facilitar o trabalho de elaboração do plano de ação foram divididos em 6 eixos temáticos: – Agricultura e Meio Ambiente; – Empresas; – Turismo; – Infraestrutura; – Educação; – Institucional

No lançamento do Plano estiveram o vereador José Benedito, o consultor do Sebrae Luiz Antonio, o presidente da Câmara Municipal Celso Ferreira, o analista Tarcísio Fagundes e o secretário de Turismo, Paulo Sérgio

Fonte e foto: Prefeitura de Rio Preto

No lançamento do Plano, da esquerda para a direita, estão o vereador José Benedito, o consultor do Sebrae Luiz Antonio, o presidente da Câmara Municipal Celso Ferreira, o analista Tarcísio Fagundes e o secretário de Turismo, Paulo Sérgio