FILME – Steins;Gate- Load Region of Déjà Vu (2013)

Uma extensão bem emocionante do final do anime Steins;Gate. Conta com um enredo excelente, que mesmo simples, é bem envolvente e complementa muito bem o final do anime, dessa vez com a personagem Makise Kurisu como protagonista e ela consegue carregar muito bem a história, se tornando uma personagem ainda melhor com o desenvolvimento do filme. A dublagem em japonês é incrível, com destaque para as vozes de Asami Imai como Makise Kurisu e Mamoru Miyano como Okabe Rintaro. A animação continua no mesmo nível de qualidade do anime e a trilha sonora é ótima, com uma abertura e encerramento muito bons. Conclusão: Um excelente epílogo para um dos animes mais geniais que eu já assisti até hoje. Dou 9 de 10 para Steins;Gate- Load Region of Déjà Vu.

SÉRIE – Loki- 1ª Temporada (2021)

Até agora a mais envolvente série da Marvel no Disney+. Conta com um enredo excelente e muito envolvente, com personagens carismáticos e reviravoltas ótimas. As atuações são muito boas, principalmente de Tom Hiddleston como Loki, Owen Wilson como Mobius e Sophia di Martino como Sylvie, 3 personagens muito cativantes. A trilha sonora é ótima e
encaixa muito com o clima da série e os efeitos especiais são incríveis para uma série, gerando cenas bem bonitas de se ver. Apesar disso, as cenas de ação com lutas são bem fracas. Conclusão: A melhor e mais interessante série da Marvel até agora. Dou 9 de 10 para Loki (1ª Temporada).

JOGOS – Assassin’s Creed- Rogue (2014)

Um bom Assassin’s Creed, porém extremamente reciclado. Conta com um enredo excelente, um dos melhores da franquia, mostrando o lado dos templários e com um dos protagonistas mais carismáticos e cativantes da franquia que é Shay Patrick Cormac, além de ter uma dublagem/localização em PT-BR muito boa. A jogabilidade é OK, é a mesma de Assassin’s Creed IV- Black Flag com praticamente nenhuma mudança ou inovação, deixando o jogo bem repetitivo e enjoativo pra quem já fez tudo no jogo anterior, porém ela ainda é divertida e funciona muito bem. Os gráficos são bem bonitos (não tiveram
muitas mudanças na versão remasterizada), a ambientação é imersiva e bem detalhada e a trilha sonora é ótima como sempre na franquia. Conclusão: Mesmo sendo um jogo sem inovação e reciclado, ainda é um bom jogo e um dos melhores Assassin’s Creed em questão de história. Dou 7 de 10 para Assassin’s Creed- Rogue.

Por: Netto Lage – Francisco Bernardes Lage Netto, estudante (18), cursando Jornalismo na Universidade de Franca, gamer, cinéfilo, autodidata. Desde a infância é apaixonado por filmes, séries e jogos. Com o tempo, sentiu necessidade de extravasar e registrar a sua opinião. Inspirado pelo youtuber Carlo Chim, iniciou suas críticas, sempre postadas em seu perfil no Instagram. O mundo do cinema o fascina, e tem como objetivo profissional, atuar em algum dos diversos segmentos que
essa área oferece.