“Um homem cansado do dia-a-dia dos negócios resolveu tirar férias”. Tinha por hobby navegar com seu balão. Estressado, ávido por uma aventura, subiu com seu balão, sem nenhum tipo de planejamento para navegar por lugares desconhecidos.
Após algum tempo, sentiu-se perdido, reduziu a altitude do balão até chegar a 10 metros do solo. Viu então um rapaz e gritou: – Ei, rapaz, onde é que eu estou?
O jovem respondeu: – Você está num balão a 10 metros de altura!
O homem prontamente perguntou: – Você é estagiário, não é?
O jovem respondeu: – Sou sim! Como é que o senhor sabe?
E o homem: – Simples. Você me deu uma resposta tecnicamente correta, mas que não me serve para nada.
Sem se perturbar o jovem perguntou: – E o senhor é gerente, não é?
O homem perplexo respondeu: – Sim, sou gerente. Como é que você adivinhou?
– Simples. Vive perdido e sempre procurando alguém para colocar a culpa…
só pode ser gerente.”

Fazer a gestão da própria vida é não perder tempo gerenciando a vida dos outros. Se você não cuidar de você primeiro, nunca será possível gerenciar um transbordo na vida de outras pessoas.
Avaliar quem você é na verdade e como está a sua vida, sua carreira e ser o senhor de seu destino não é tarefa fácil em um mundo onde as relações de trabalho e de mercado mudam constantemente, onde as palavras segurança e estabilidade estão em processo de extinção, e mudanças ocorrem velozmente.
Por mais que seja difícil e você tenha inúmeras justificativas para não sair do lugar em que está, não pode esquecer que o primeiro passo para transformar a sua vida é reconhecer como as coisas realmente estão.
Portanto:

  1. Admitir sua fragilidade é o começo da criação de novos caminhos.
  2. Semeie bons valores, princípios e ideais. Você é exatamente aquilo que você imagina ser.
  3. Lembre-se de que você não pode consertar nada até admitir que há um problema.
  4. Transformar a sua vida, requer dedicação de uma única pessoa: você mesmo!
  5. Tomar atitudes e transformar os hábitos te levarão mais longe e farão de você uma pessoa muito melhor.
    Gerenciar a própria vida é construir os degraus da autoconfiança, autorresponsabilidade e autonomia. A pessoa que vive no passado sofre com depressão e a pessoa que vive no futuro desenvolve um estado de ansiedade e pré-ocupação antecipada.
    O segredo é: não limitarsuas conquistas diárias, viver cada uma delas e celebrar! Viver o agora é fundamental para dar projeção e formar o futuro que você tanto almeja.
    Um excelente final de semana para você e sua família.

Marcos Sipriano é Master Coach, formado pela SBCoaching, Palestrante, Mentor e Pastor.
Instagram: @marcossipriano7