Um morador de Viçosa, na Zona da Mata, foi flagrado após se vacinar pela quarta vez. De acordo com a prefeitura, o homem, de 61 anos, tomou duas doses da Coronavac, uma da Astrazeneca e uma da Pfizer.

O caso foi descoberto quando o idoso procurou um posto de saúde alegando ter perdido a data de vacinação. Ele apresentou CPF e foi imunizado, mas só após conferência os profissionais constataram a fraude. No Sistema de Informações do Programa Nacional de Imunizações (SIPNI COVID) constava que o idoso foi imunizado três vezes em Viçosa e uma vez no Rio de Janeiro.

A Prefeitura de Viçosa informou em nota que acionou a Procuradoria Geral para que o idoso seja penalizado cível e administrativamente. O Ministério Público também foi acionado para a adoção de possíveis medidas criminais.

Com informações de O Tempo