Se eu morrer de Coronavírus não CULPEM ninguém.
Não apontem dedo em riste.

Não avancem olhos para caçar culpados.
Não vão atrás de pessoas que me trouxeram doença.
Não corram em busca de perguntas e respostas.

Se eu morrer de COVID, não fiquem tentando ver se houve erro médico, atraso e/ou adianto no tratamento.

Se transferiram em tempo, se intubaram ou não.

Minha vida não está nas mãos dos Homens.

Minha vida está nas mãos de Deus.

Não será por isso ou aquilo.

Meu tempo terá chegado ao fim.

Os médicos estão tentando salvar vidas, os enfermeiros estão tentando salvar vidas, os maqueiros, os fisioterapeutas, todos estão tentando salvar vidas.

Parem de JULGAR.

Se não somos parte do Problema, sejamos parte da SOLUÇÃO.

AJUDEMOS AQUELES QUE ESTÃO PERTO DE NÓS.

VAMOS nos unir em oração.

Numa corrente do BEM.

Já temos JUÍZES DEMAIS.

NÃO estamos na Santa Inquisição.

Não há caça às BRUXAS!

PRECISAMOS DE AMOR, DE COMPAIXÃO, DE SOLIDARIEDADE, DE EMPATIA.

Precisamos uns dos outros, mais do que nunca.

Por: Renata Resende