Rede de Notícias do Sindijori MG – www.sindijorimg.com.br

Carro de som faz cobrança

                       Está circulando pelas vias públicas de Divinópolis um carro de som do Sindicato dos Trabalhadores Municipais de Divinópolis e Região Centro-Oeste de Minas Gerais – Sintram, em que um áudio cobra do prefeito de Divinópolis, Gleidson Azevedo que ele cumpra a lei do gatilho e pare de negar o direito à recomposição salarial da categoria. “O prefeito Gleidson está cometendo essa grande injustiça com o servidor de Divinópolis, ao negar o direito a recomposição salarial. O servidor é quem leva o serviço público ao cidadão, e é quem está nesta pandemia, socorrendo a população. Merecemos respeito e o recebimento de nossos direitos!”, diz trecho da gravação. (Divinews – Divinópolis)

15 idosos, vacinados, morrem

                       Os boletins epidemiológicos têm apresentado óbitos relativos a idosos com mais de 60 anos na cidade de Uberaba. Somente nesta semana, 15 idosos vieram a óbito por causa da Covid-19. O boletim desta quarta-feira (16) informou que quatro destas pessoas eram de mulheres, com idades que variam de 67 a 89 anos, e um homem de 79 anos, que perderam a vida para a doença. Estas idades já são público-alvo da vacinação em Uberaba. A faixa etária de 80 anos tem sido vacinada desde abril deste ano e a de 60 ou mais, desde maio. A prefeitura explicou “que é importante saber que a vacina não impede a pessoa de contrair a Covid-19, mas sim, minimizar os efeitos da doença no paciente imunizado”. (Jornal da Manhã – Uberaba)

Cis Caparaó elimina lixões

O presidente do CIS-Caparaó, Sérgio Lúcio Camilo, está buscando projetos para oferecer condições mais vantajosas para atender aos municípios que integram o Consórcio Intermunicipal Multissetorial da Região do Entorno do Caparaó na gestão de resíduos sólidos.  A iniciativa tem objetivo de eliminar lixões e apoiar municípios em soluções sobre a destinação de resíduos sólidos e na reciclagem de materiais. (Diário de Manhuaçu)

Alcana voltará a produzir

                       O Grupo Alcon recebeu a posse do parque industrial da extinta Alcana, em Nanuque, que foi desativada pela holding comandada pelo Grupo Infinity Bio-Energy entre 2005 a 2013 – em funcionamento. A desativação da empresa motivou inúmeros processos promovidos por credores que acabaram por pavimentar um ambiente para levar a usina à leilão judicial. Em plena expansão no campo da indústria voltada ao agronegócio e geração de energia, o Grupo Alcon, tomou a iniciativa de participar do processo de arrematação. Com o fim do leilão e por ter oferecido o melhor lance, a diretoria iniciou um estudo para elaborar um programa para a revitalização do parque industrial da Alcana para a produção de açúcar e álcool. (Jornal Em Tempo – Nanuque)

Abusos de idoso tem campanha

                       O Dia Mundial da Conscientização da Violência Contra a Pessoa Idosa foi oficialmente reconhecido pela Assembleia Geral das Nações Unidas em 2011, após solicitação da Rede Internacional de Prevenção ao Abuso de Idosos (INPEA), que estabeleceu a comemoração em junho de 2006. Em Teófilo Otoni, a prefeitura e organizações se uniram e realizaram na semana que passou, uma vasta programação para marcar a data. (Diário Tribuna – Teófilo Otoni)

Fase final das oficinas do PJ

                       Nesta semana, alunos de Poços e Itaú de Minas participaram de mais uma atividade remota do Parlamento Jovem. Os coordenadores dos projetos nas duas cidades, Tais Ferreira e Wallison Parreira, promoveram uma Gincana com o tema Recursos Hídricos e Saneamento Básico, ocasião em que os estudantes responderam perguntas durante oito rodadas. O encontro marcou a fase final da formação temática, que contará agora com apenas mais uma oficina. O jogo teve como o objetivo explorar o tema do PJ neste ano, que é Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável, de uma maneira mais leve e divertida. (Jornal Mantiqueira – Poços de Caldas)

Furnas tem protocolo com Alago

                       Furna e a Associação dos Municípios do Lago de Furnas (Alago) assinaram, na semana que passou um protocolo para compatibilizar o uso e ocupação de áreas no entorno do reservatório da Usina de Furnas (MG) com a legislação e os programas ambientais estabelecidos para o empreendimento. Entre outras finalidades, o protocolo prevê cooperação técnica para a criação de um consórcio de municípios, que centralizará os pedidos de regularização de construções em áreas sob a concessão de Furnas e preservação permanente (APPs). (Nova Imprensa – Formiga)

UFJF terá Inovação em Valadares

                       A Universidade Federal de Juiz de Fora Campus Governador Valadares (UFJF-GV), em sua 37ª reunião ordinária do Conselho Gestor, oficializou a criação do Setor de Inovação, Empreendedorismo e Transferência de Tecnologia. O Campus de Valadares já contava com iniciativa nessa temática, o Grupo de Trabalho de Inovação, Empreendedorismo e Transferência de Tecnologia, que foi criado em maio de 2018 e promovia a cultura de inovação e empreendedorismo na UFJF-GV. A partir daí surgiu a proposta de criação do setor que, com a aprovação, passou a ser responsável por dar continuidade às atividades já desenvolvidas pelo Grupo de Trabalho. (Diário do Rio Doce – Governador Valadares)