Rede de Notícias Sindijori MG

Pequenos recebem orientações

O Projeto Interagir para Construir oferece orientações técnicas e gerenciais para pequenos produtores rurais que pretendem investir na produção orgânica e agroecológica. O objetivo é estimular e fortalecer a agricultura familiar, contribuindo para a melhoria da qualidade de vida no campo e com o desenvolvimento sustentável da fruticultura, do artesanato e do agroturismo na região do Vale do Mucuri. Os agricultores familiares que participam do projeto com o apoio do Sebrae Minas optaram por fazer a conversão agroecológica da produção por meio de técnicas de cultivo orgânico, seguindo as normas exigidas pelo Ministério da Agricultura. (Diário Tribuna – Teófilo Otoni)

Obesidade é risco para jovens

A pesquisa “Covid-19 e obesidade: uma análise epidemiológica dos dados brasileiros”, desenvolvida na Universidade Federal de Juiz de Fora (UFJF), apontou que a infecção causada pelo novo coronavírus pode ser mais intensa em pacientes obesos e que sejam mais jovens em comparação aos outros indivíduos acometidos pelo vírus e que não têm essa comorbidade. O estudo também aponta que o fator de risco está associado a um aumento na necessidade da internação nas Unidades de Terapia Intensivas (UTIs) e do uso do suporte ventilatório para quem está hospitalizado. (Tribuna de Minas – Juiz de Fora)

Ponte do Sapucaia pavimentada

A Prefeitura de Montes Claros finalizou as obras de pavimentação do acesso à ponte do Sapucaia, que interliga os bairros Morada do Sol e Ibituruna. Também foram realizados os serviços de capa asfáltica, terraplanagem e aplicação de concreto nas paredes do muro de contenção. Simultaneamente, o local também recebeu drenagem, com a desobstrução de uma rede de manilhas e a construção de um muro de contenção, para facilitar o escoamento da água que desce pela serra do Sapucaia, sendo que a área já havia recebido obras para compactação do subsolo e imprimação. (Gazeta Norte Mineira – Montes Claros)

Concessionária doa alimentos

A concessionária Águas de Pará de Minas entregou meia tonelada de alimentos não perecíveis para a Secretaria Municipal de Assistência e Desenvolvimento Social de Pará de Minas. A ação faz parte da campanha interna “GAB Solidário”, lançada pelo Grupo Águas do Brasil, com o objetivo de arrecadar alimentos para serem destinados à famílias em situação de vulnerabilidade social. Um ponto de arrecadação foi estruturado na sede da concessionária e os itens devem ser direcionados para o Programa Vida no Prato, idealizado pela Prefeitura Municipal, com o objetivo de arrecadar e distribuir cestas básicas. (Jornal Pará de Minas)

Uberaba recebe vacinas da Pfizer

A primeira remessa das vacinas da Pfizer, contra a covid-19 foi entregue ao município de Uberaba e esta é a primeira vez que a região é contemplada com imunizantes desta marca, considerando que foram disponibilizadas duas caixas para Uberaba, totalizando 2.340 doses e uma caixa para Araxá, com 1.170 imunizantes. Estas foram únicas cidades da região Triângulo Sul a serem incluídas no plano para expansão do uso da vacina Pfizer em Minas Gerais, sendo que um dos critérios utilizados para a escolha foi ter população acima de 79 mil habitantes. (Jornal da Manhã- Uberaba)

Posse dos membros do Prohorta

Representantes do Programa de Hortas Comunitárias (Prohorta), de Varginha, foram empossados em cerimônia com o prefeito Vérdi Melo. Criado pela Lei Municipal 6.531/18 e regulamentado pelo Decreto 10.325/21, o projeto é vinculado à secretaria Municipal de Agricultura e consiste na ocupação de áreas urbanas para o cultivo de hortaliças, frutas e outros alimentos, plantas medicinais, ornamentais e para a produção de mudas. O principal objetivo da iniciativa é aproveitar a mão deobra desempregada, proporcionar terapia ocupacional, aproveitar áreas devolutas, melhoria do meio ambiente urbano mediante, entre outros. (Gazeta de Varginha)

Araxá mobiliza para vacinação

A Secretaria Municipal de Saúde de Araxá deu início as ações para incentivar a vacinação contra a gripe para professores e idosos acima de 60 anos. A segunda etapa de imunização chega ao fim no próximo dia 08 e, para vacinar é necessário a apresentação dos documentos pessoais e cartão do Sistema único de Saúde (SUS). Professores deve levar o último holerite para comprovar o exercício da profissão e, no caso das gestantes, é necessário registrar o cartão pré-natal ou exame que confirme a gestação. Os que estavam na primeira etapa e não foram vacinados também devem se imunizar. (Jornal Correio de Araxá)

Inhapim tem operação tapa-buracos

A Prefeitura de Inhapim atendeu a um requerimento formulado por José de Oliveira Batista, o Coquinho, atual presidência da Câmara Municipal do distrito que pertence a Santo Antônio do Alegre e, por meio da Secretaria de Obras Públicas, realizou a operação tapa-buracos pelas ruas do local. A necessidade para restauração do asfalto se deu por conta do desgaste da malha viária, que já é antiga, combinado ao período de chuvas, criando inúmeros buracos no pavimento. De acordo com a administração, o principal intuito da ação é promover melhores condições de segurança aos moradores e manter um bom tráfego nas vias. (Diário de Caratinga)