Andrea Meza, do México, foi eleita Miss Universo em cerimônia realizada neste domingo, 16 (Foto: Reprodução Twitter/missuniverse)

A Miss Brasil Júlia Gama no concurso Miss Universo (Foto: Rodrigo Varela / GETTY IMAGES NORTH AMERICA / Getty Images via AFP)

A Miss Brasil Júlia Gama, natural de Porto Alegre, ficou na segunda colocação do concurso Miss Universo realizado na noite de ontem, 16 de maio. A coroa ficou com a representante do México Andrea Meza, que recebeu o título das mãos da sul-africana Zozibini Tunzi, vencedora do concurso em 2019. Ano passado a disputa não aconteceu por conta da pandemia do covid-19.

A cerimônia aconteceu em Miami, nos EUA. A terceira colocação ficou com a peruana Janick Maceta; já a indiana Adline Castelino e a dominicana Kimberly Jiménez ficaram com o quarto e quinto lugar, respectivamente.

O Brasil não vence o Miss Universo desde 1968, quando Martha Vasconcellos levou a coroa. Já a mineira Nathália Guimarães alcançou o segundo lugar em 2007. Júlia Gama é gaúcha, tem 27 anos e foi eleita Miss Brasil em agosto de 2020, em uma cerimônia virtual.

As informações são do Portal G1.