Rede de Notícias do Sindijori MG – www.sindijorimg.com.br

Observatório SL é o 3º melhor

Dentre os mais de 150 Observatórios Sociais que existem em todo o Brasil, o Observatório Social de Sete Lagoas (0SB-SL) está entre os três melhores Observatórios do país ao atingir 1.580 pontos no Programa 100% Eficiente. A unidade local só está atrás do OSB-Itabira/MG e o OSB-Campos Gerais/PR, que conseguiram, respectivamente, 1.708 e 1.625 pontos. O OSB-Sete Lagoas foi avaliado no programa durante todo o ano de 2020 quanto a aspectos que mediram o nível de comprometimento da unidade filiada. (Jornal Sete Dias- Sete Lagoas)

Unidades utilizam software

Na semana passada, a Unifeob foi convidada para criar um software de gerenciamento de leitos, integração de informações e otimização de comunicação para colaborar com a Santa Casa de Misericórdia “Dona Carolina Malheiros”, o Centro Covid, a Unidade de Pronto Atendimento (UPA) e prontos-socorros dos municípios de Aguaí e Águas da Prata. O programa foi desenvolvido pela equipe em tempo recorde: apenas dez dias, da ideia à implantação na última quarta-feira, 24. (Jornal Andradas Hoje)

Barbacena com baixa incidência

A Secretaria de Estado de Saúde de Minas Gerais divulgou na última quinta-feira, 25, mais um boletim epidemiológico sobre a incidência do Aedes Aegypti no estado. O mosquito é transmissor da dengue, Zika e Chikungunya. Conforme o Estado, entre o dia 30/11, e a última terça-feira, 23, 36 cidades da Zona da Mata e do Campo das Vertentes não tiveram registros de óbitos pela doença ainda que o índice registrado da presença do mosquito na região seja alto. Contudo, já são 2.006 casos prováveis de dengue nas cidades da região, sendo Cataguases o local com mais registros, com 894 casos prováveis. (Folha de Barbacena)

Arcos já arrecadou R$3,2 milhões

Em janeiro deste ano, Arcos já arrecadou R$3,2 milhões brutos com IPVA – Imposto sobre a Propriedade de Veículos Automotores, de acordo com a Secretaria de Estado de Fazenda de Minas Gerais. Com o desconto do Fundeb (Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização dos Profissionais da Educação), de R$645.851,62, o valor líquido arrecadado foi de R$2,5 milhões (2.583.406,93). A arrecadação de janeiro de 2021 aumentou 2,4% com relação ao mesmo período de 2020, quando foram arrecadados R$3,1 milhões do imposto. (Jornal Correio Centro-Oeste- Arcos)

Aberto espaço para doações

Em mais uma ação para fazer frente ao momento delicado de agravamento das contaminações pelo novo coronavírus, situação que atinge municípios de todo o país, o município de Ipatinga publicou nesta segunda-feira, 29, edital de chamamento público regulamentando formas para recebimento de doações de bens materiais e serviços. Com esta ação, a administração municipal informa que pretende aumentar a quantidade de itens, como respiradores, testes rápidos, máscaras, luvas para proteção contra agentes biológicos, luvas para proteção contra umidade proveniente de operações com uso de água, equipamentos de proteção individual (EPI’s), materiais de construção, dentre outros. (Diário do Aço- Ipatinga)

Uberlândia recebe R$ 1,344 milhão

Novas portarias foram publicadas no Diário Oficial da União (DOM) autorizando o repasse de recursos do Ministério da Saúde para leitos de UTI exclusivos para pacientes com Covid-19. Segundo a Portaria GM/MS n° 558, de 26 de março de 2021, Uberlândia vai receber R$ 1,344 milhão para 28 leitos. Serão R$ 960 mil para 20 leitos no Hospital Municipal e R$ 384 mil para oito leitos no Hospital Santa Catarina (Anexo do Hospital Municipal). (Diário de Uberlândia)

Promotor contesta reajuste

O promotor de Justiça Weber Augusto Rabelo Vasconcelos expediu a recomendação ao presidente da Câmara de Itaúna adote a revogação da resolução que promoveu a recomposição salarial de agentes políticos e servidores municipais. Para que os agentes políticos pudessem receber a recomposição, foi alterado artigo da Lei Orgânica. Assim, prefeito, vice-prefeita, vereadores e secretários municipais receberão recomposição salarial de 12.03%, referentes ao período de alguns anos sem reajustes nos seus salários. Os servidores municipais receberão os salários com reajustes de 5.45%, referentes à inflação do ano passado. (Folha do Povo – Itaúna)