No último dia 17 de março, a Prefeitura de Soledade de Minas publicou o decreto nº 2695, que dispõe sobre a adoção de medidas do protocolo da Onda Roxa, instalado pelo Governo de Minas Gerais em todo o Estado. Assim como a Onda Roxa, o decreto irá vigorar pelo prazo de 15 dias.

De acordo com a documentação, só poderão funcionar no município os serviços de saúde, indústrias, logística de montagem e distribuição, farmácias, drogarias, óticas, materiais clínicos e hospitalares; mercados, açougues, padarias; postos de combustíveis; distribuidoras de gás; oficinas mecânicas e similares; agências bancárias e similares; telecomunicação, internet, imprensa; construção civil; assistência veterinária, entre outros setores. Tais estabelecimentos deverão funcionar seguindo os protocolos sanitários previstos e priorizar o funcionamento interno e a prestação de serviços de modo remoto e delivery.

O decreto ainda prevê algumas proibições por conta da implementação da Onda Roxa, como: funcionamento de atividades socioeconômicas das 20h às 5h; circulação de pessoas sem uso de máscaras, em qualquer espaço público ou privado; circulação de pessoas com sintomas gripais, exceto para realização de exames e consultas médicas; visitas sociais e realização de eventos e reuniões de qualquer natureza. Salões de beleza e similares, lojas de vestuário, papelaria, perfumaria e floricultura somente poderão trabalhar com pré-agendamento, sendo permitido o atendimento de uma pessoa por vez.

Já os bares poderão funcionar desde que sigam as seguintes recomendações: colocar balcão na entrada do estabelecimento e vender produtos e bebidas para serem consumidas no domicílio do cliente. Também durante a vigência do decreto, ficam proibidas as celebrações religiosas; a utilização do Parquinho, Parque Municipal e das academias ao ar livre; as atividades de quadra e campos de futebol públicos e privados; o atendimento ao público nos departamentos e na sede do Executivo; e o funcionamento de academias, pesqueiros e clubes. Um toque de recolher também foi estabelecido: das 20h às 5h fica proibida a circulação de pessoas nas ruas, exceto serviços de disk entrega, profissionais da saúde, casos de emergência, trabalho, saúde e segurança pública.

Clique aqui e confira o decreto completo.