Ajudemos uns aos outros. Esse é o maior ato de caridade e humanidade. Ajudar o próximo é ajudar a nós mesmos, é ter a certeza de que, um dia, seremos recompensados pelo bem que fizemos.

Por algumas vezes nos sentimos fracos, incapazes de auxiliar alguém que esteja precisando. Entretanto, são exatamente nesses momentos em que devemos nos fortalecer e agir conforme nossas necessidades. Por outras vezes carecemos de apoio que, certamente, vem das pessoas que um dia precisaram de ajuda. Tudo isso é uma atitude recíproca, verdadeira e constante.

Devemos aprender a conviver com a solidariedade, a humanidade e, em especial, a caridade. Através destas, poderemos ter a plena consciência de que elas precisam ser constantemente praticadas.

Um mundo desobediente é um mundo totalmente desequilibrado, insensato, próprio de indivíduos perversos e egoístas. Todavia, pessoas como essas são excluídas da sociedade, visto que não promovem o bem por meio da compaixão para com o próximo e não se preocupam com o conforto e a segurança de outrem.


Autoria: Larissa Azevedo