Nobres, temos que admitir, que a pessoa mais complicada para se liderar somos nós mesmos. Em geral não precisamos nos preocupar com a competitividade. Se fracassamos, é porque nós mesmos nos desclassificamos e isso compete também para os líderes. Somos nossos próprios inimigos. Se você não se olhar de modo realista, nunca conseguirá compreender onde estão suas dificuldades pessoais e se não consegue vencê-las, não será capaz de liderar a si mesmo com eficácia. Somos tendenciosos a julgar os outros de acordo com suas ações,mas nós mesmos por nossas intenções. Isso é padrão.

Mesmo quando fazemos algo errado, se acreditamos que nossas motivações foram positivas, costumamos nos recusar a assumir qualquer culpa. Além disso, nós nos precipitamos aquele erro várias vezes antes de tomar uma atitude e mudar nosso comportamento.

DICAS PARA VOCÊ QUE DESEJA LIDERAR A SI MESMO:

▪ Exercite a paciência: Líderes tendem a ser impacientes. É sabido que as realizações , as conquistas, são a longo prazo, não existe esse negócio de poder instantâneo ou maturidade imediata, como o macarrão instantâneo, pronto em 3 minutos, um líder não se forma da noite para o dia.

▪ Aprenda a submeter-se a autoridade dos outros: Um líder que passou pela experiencia de ser liderado e se saiu bem, sabe como exercer a liderança de maneira eficiente. A boa liderança exige a compreensão do mundo em que vivem os liderados. Por sua vez, líderes que nunca se saíram bem quando estiveram sob alguma autoridade, tendem a se orgulhosos, autocráticos e prepotentes. Aprender a se submeter à liderança dos outros te fará um líder eficaz.

▪ Procure alguém em quem possa se espelhar: A falta de alguém a quem possa lhe aconselhar sobre a vida pessoal certamente levará a sérios problemas.


▪ Desenvolva a autodisciplina: Para se tomar decisões assertivas na vida, o líder precisa ter caráter e autodisciplina, ser coerente, fazer o que é correto quando necessário e refrear o impulso dos erros repetidos. Sem autodisciplina fazemos coisas das quais nos arrependemos e perdemos oportunidades que se apresentam diante de nós. Segundo John Foster, “Um homem sem firmeza de caráter nunca pode ser considerado dono de si. Ele pertence a qualquer coisa que possa fazê-lo cativo.” Quando somos tolos, queremos conquistar o mundo; quando somos sábio, queremos conquistar a nós mesmos.

O certo é que para sermos bem sucedidos como líderes, uma vez que estamos abordando este tema tão importante, precisamos aprender a deixar de ser obstáculo para o nosso próprio caminho.

Há um provérbio chinês que diz: “Quando você vir um homem bom, pense em imitá-lo; quando vir um homem mau, olhe para dentro de si e analise seu coração.”

Marcos Sipriano é Master Coach, formado pela SBCoaching, Palestrante, Mentor e Pastor.
Instagram: @marcossipriano7