Série B: CSA cede empate e pode sair do G4

(AL). A partida foi disputada pela 35ª rodada da Série B do Campeonato Brasileiro. Com este resultado, os alagoanos se mantiveram na quarta colocação da competição, com 53 pontos. O clube é o único representante nordestino na zona de classificação para a Série A de 2021, mas pode ser ultrapassado ainda hoje pelo Juventude, que enfrenta o Cruzeiro no estádio Alfredo Jaconi, em Caxias do Sul (RS), às 19h.

Já os catarinenses, na 8ª colocação, não conseguiram diminuir a distância para o G4, que no momento é de quatro pontos. Agora, restam apenas três rodadas para o final da segunda divisão.

No primeiro lance de perigo do jogo, os donos da casa abriram o placar. Aos 13 minutos, o zagueiro Cleberson cabeceou e a bola bateu no braço de Betão, da equipe catarinense, dentro da grande área. Inicialmente, o árbitro Ronei Candido Alves (MG) não identificou o toque, mas o árbitro auxiliar Frederico Soares Vilarinho (MG) o informou sobre a penalidade, que foi marcada logo na sequência. A confirmação da punição gerou muita reclamação pelo lado dos visitantes, que alegaram que o braço de Betão estava junto ao corpo. O pênalti foi convertido pelo atacante Paulo Sérgio, que é o artilheiro da equipe na Série B, com dez gols marcados.

Após estar em inferioridade no placar, o Leão da Ilha buscou reagir, embora tenha levado pouco perigo ao adversário. Aos 35, o chute de Valdívia, de longa distância, foi a tentativa de maior relevância, que foi defendido pelo goleiro Matheus Mendes.

Na volta do intervalo, o Avaí mostrou precisão logo no primeiro minuto. No chute cruzado de João Lucas, o lateral-direito Renato empurrou, na pequena área, com liberdade, para o fundo da rede, igualando o marcador. Aos 10, o mesmo Renato quase conseguiu a virada, após limpar o goleiro Matheus Mendes e, na sequência, chutar por cima da baliza. Aos 37, a equipe catarinense voltou a arriscar com perigo. Pedro Castro cobrou falta com veneno, forçando difícil defesa de Matheus. Os avaianos, que foram dominados na segunda etapa, ainda tiveram o atacante Rone expulso por ter cometido falta dura em Edilson, porém não alterou no resultado final: CSA 1, Avaí 1.

Na próxima rodada, o Avaí receberá o Juventude na terça-feira (19). O confronto será realizado na Ressacada, em Florianópolis (SC), às 19h15. No mesmo dia e horário, o CSA visita o Botafogo-SP no estádio Santa Cruz, em Ribeirão Preto (SP).

Valdívia testa positivo para covid-19

O meio-campista Valdívia, do Avaí, entrou em campo neste sábado infectado pelo novo coronavírus. O jogador foi titular no confronto com os alagoanos e foi substituído no intervalo por Renato, após o clube catarinense receber o exame confirmando o resultado positivo.

Este exame foi referente ao próximo jogo do Leão da Ilha, contra o Juventude. Para o duelo com o CSA, o resultado liberou o atleta para jogar. Segundo o protocolo de segurança de prevenção ao novo coronavírus da Confederação Brasileira de Futebol (CBF), os profissionais de cada equipe deverão ser testados com 72 horas de antecedência de cada partida. Por isso, hoje os atletas foram submetidos a testes por volta das 10h30, visando o jogo contra os gaúchos.

No intervalo, após o clube receber a notificação de que Valdívia testou positivo, o técnico Claudinei Oliveira promoveu a substituição do atleta, que se encontra assintomático.

Veja a classificação da Série B do Brasileiro.

Fonte: Agência Brasil

Fotos: André Palma Ribeiro/Avaí F.C./Direitos ReservadosEsportes