Carlinhos do Armazém, homem querido pela comunidade aiuruocana, morreu ontem devido ao coronavírus

O coronavírus aflige o mundo, traz preocupações e desafios a todos os municípios brasileiros. A região do Sul de Minas vive um cenário não imaginado: dados apontam o contínuo aumento no número de casos confirmados da doença e muitas pessoas são vítimas desse mal. Aiuruoca recebeu com tristeza a notícia da perda de um querido cidadão vítima da covid-19.

Carlinhos do Armazém, como era conhecido, foi internado na noite de sexta-feira (18/09), com complicações respiratórias e quadro suspeito de Covid-19. Ontem, 20/09, a família recebeu o resultado do exame RT-PCR positivo para o coronavírus. E no final da noite de domingo, Carlinhos do Armazém não resistiu às complicações da doença e faleceu.

Seu filho, Erlisson Lopes, ex-secretário de Saúde de Aiuruoca, mencionou em rede social seu agradecimento a todas as condolências e mensagens de conforto recebidas até o momento. “Elas mostraram o quanto ele era querido por todos”, mencionou.

Ainda em seu post, Erlisson revela que não haverá velório, e agradece as orações de todos. “Que Deus, em sua infinita misericórdia, possa receber o nosso pai e confortar toda a nossa família neste momento. Com toda fé, acreditamos em que disse Jesus ‘Eu sou a ressurreição e a vida, quem crê em mim, ainda que esteja morto, viverá. E todo aquele que vive, e crê em mim, nunca morrerá'”.

Nós do JORNAL PANORAMA expressamos nossos sentimentos à família do Carlinhos do Armazém, uma pessoa que sempre foi amiga da comunidade e de bem com a vida. Seu jeito acolhedor sempre ficará marcado na memória daqueles que puderam se fazer presente e ter o privilégio de o ter conhecido. Que Deus o acolha em seu Reino e conceda o consolo necessário a seus familiares e amigos.

Foto de capa: Maicon Bukater