O JORNAL PANORAMA tem abordado o constante perigo que ocorre diante as queimadas em nossas localidades. Estamos no período crítico de incêndios florestais, onde há a cultura de colocar fogo nos lotes vagos e margens de rodovias como forma de limpeza e redução da vegetação.

Mas isso não é o certo! E na tarde desta quinta-feira, 10 de setembro, ocorreu um incêndio na vegetação do bairro Jardim Recreio, em Caxambu, que causou proporções destruidoras. As chamas atingiram a residência do pedreiro Ezequiel Pereira e destruiu seu veículo com a carretinha e parte de sua casa. Ezequiel não estava no momento e as chamas foram contidas mediante ajuda dos vizinhos e equipe da prefeitura municipal.

Haverá uma investigação da Polícia Civil e da Polícia Militar Ambiental, onde a perícia avaliará as possíveis causas e investigará o fato. A Defesa Civil também foi comunicada do ocorrido e haverá uma apuração completa para investigar o caso. Salientamos que provocar incêndio em mata ou floresta pode acarretar em prisão e multa.

Destacamos que o 3º Pelotão de Bombeiros, que atua em São Lourenço, atendeu até o dia 10 de Setembro 194 chamadas e alerta que, devido ao clima seco e frio, os cuidados devem ser redobrados, uma vez que a vegetação seca e a presença de ventos aumentam muito a velocidade de propagação dos incêndios, além de os tornarem mais difíceis de serem controlados.
O Corpo de Bombeiros orienta como forma de evitar incêndios em lotes e terrenos baldios, primeiramente, que a população conscientize-se dos problemas gerados com esses incêndios; e que não coloque fogo nas vegetações de vias públicas ou mesmo em locais particulares e lotes vagos.

Veja como ficou a situação da casa e veículo de Ezequiel Pereira.

Fotos e vídeos: Ezequiel Pereira