Um estudo divulgado nesta terça-feira (12) estima que Minas Gerais pode ter cerca de 56 mil pessoas infectadas a mais com o novo coronavírus. Oficialmente, o estado tem até o momento 3733 casos confirmados de Covid-19 e 135 óbitos.

O trabalho foi realizado pelos professores Leonardo Costa Ribeiro, da Faculdade de Ciências Econômicas da UFMG, e Américo Tristão Bernardes, do Departamento de Física da Universidade Federal de Ouro Preto, e demonstra que há 16,5 casos de Covid-19 para cada um confirmado oficialmente.

De acordo com o estudo, a subnotificação em Minas Gerais supera em quatro vezes a do Brasil. A proporção em todo território nacional é de 3,8 pessoas com Covid-19 para cada caso registrado.

Um dos motivos que pesaram nos cálculos dos professores foi a quantidade de hospitalizações por Síndrome Respiratória Aguda Grave (SRAG). Minas Gerais tem o terceiro maior número de internações por SRAG, mas aparece apenas na 11ª posição na lista dos casos confirmados de Covid-19.

Os professores Américo Tristão Bernardes, da UFOP, e Leonardo Costa Ribeiro, da UFMG, divulgaram nota técnica atualizada da “Estimativa de subnotificação em casos de hospitalização por síndrome respiratória aguda e confirmados por infecção por Covid-19 no Brasil e estimativa para Minas Gerais”. 

Fonte: UFMG E UFOP