Francisca Aparecida da Costa informa sobre o primeiro caso positivo de Coronavírus no município

            Na noite de 7 de abril, a Prefeitura de Itanhandu confirmou o primeiro caso de coronavírus no município. Trata-se de uma mulher de 59 anos que está internada em uma unidade hospitalar fora do município, com boa recuperação.

            Diante do caso, o JORNAL PANORAMA entrou em contato com a secretária municipal de Saúde, Francisca Aparecida da Costa, a Kinha, que revelou as ações que o município tem tomado diante a pandemia e sobre o caso confirmado.

            O primeiro teste da paciente havia dado negativo, mas o Corpo Clínico optou por novo teste que deu positivo. Devido ao tratamento, a paciente se encontra em outra localidade e já encontra-se curada, informa Kinha.

Essas e outras informações você pode conferir na entrevista abaixo:

JP – Ações que envolvem toda a comunidade estão sendo realizadas em prol da conscientização de todos. Informe-nos sobre esse objetivo?

SecretáriaSim, o município está realizado blitz de saúde nas entradas principais da cidade, sendo o objetivo a conscientização e orientação aos sintomas e higiene. Divulgação diária em redes sociais de orientações. Carros sonoros com informativos. Desinfecção de vias públicas com uma solução química não tóxica. Decretos municipais baseados em decretos estaduais suspendendo atividades não essenciais para que assim a população evite aglomerações e a circulação e critérios para os estabelecimentos essenciais.

JP – Sobre a paciente registrada como o primeiro caso confirmado, a Secretaria tem acompanhado seu caso. Quais as novas informações?

Secretária Sim, desde sua internação. Por motivo de sigilo só posso afirmar que o paciente está curado.

JP – Fomos informados que o primeiro teste foi negativo. Ele foi realizado em Itanhandu? Houve um relaxamento diante esse resultado com o monitoramento da paciente?

Secretária Após internação do paciente no município de Itanhandu foi colhido o exame RT PCR, de acordo com Protocolo do Ministério da Saúde e encaminhado para o laboratório da Funed, em Belo Horizonte. A paciente foi transferida para outro hospital com disponibilidade de UTI caso necessidade e lá foi colhido teste rápido, com resultado negativo e lá a paciente seguiu internada em tratamento. O corpo clínico optou por realizar nova coleta para o exame de RT PCR, saindo o resultado no dia 06/04/20 e a Vigilância em Saúde tendo acesso ao resultado no dia 07/04/2020 no período da tarde, sendo assim confirmando o resultado como positivo.

JP – Ela não está no município, foi devido ao tratamento? Ou para realizar um novo teste para verificar sobre o vírus? Ela recebeu a orientação de manter-se em casa?

SecretáriaSim, foi necessário transferência para o tratamento.

JP – As pessoas que tiveram contato com a pessoa confirmada com o Covid-19 estão sendo monitoradas, mediante informado pela administração. Como estão realizando esse monitoramento?

SecretáriaAs pessoas contactantes estão sendo monitoradas via unidades básicas de saúde através de telefone e se houver necessidade de avaliação física, dentro das unidades.

JP – Há novas ações a serem realizados no município devido à confirmação do caso?

SecretáriaSim. O Comitê de Enfrentamento do COVID-19, através do decreto municipal n°4.608, se reúne semanalmente e possui grupo de whatsapp onde coordena, elabora e planeja ações a serem realizadas. Com o caso, foram intensificadas as ações já realizadas, inclusive as fiscalizações de estabelecimentos através da vigilância sanitária juntamente com fiscais de postura.

JP – A Secretaria de Estado de Saúde repassou alguma orientação específica ao município?

SecretáriaSim, intensificar ainda mais o isolamento domiciliar e distanciamento social. A secretaria de Saúde juntamente com o Comitê está intensificando os trabalhos.

JP – Finalizando a entrevista, deixe-nos um recado a toda a população.

Secretária É hora de ficar em casa, manter isolamento domiciliar, distanciamento social, saia apenas o essencial. Nós estamos aqui por você, fica em casa por nós.

Foto: Arquivo Pessoal