Escolha foi feita em reunião entre Ministério Público e órgãos de saúde. Também foram definidos hospitais para primeiro atendimento e triagem em cidades da região (Foto: Eliane Moreira/G1)

A cidade de Juiz de Fora foi definida como referência para o tratamento do novo coronavírus na Zona da Mata. A escolha foi feita durante uma reunião nesta quarta-feira (1º) entre o Ministério Público de Minas Gerais (MPMG), a Superintendência Regional de Saúde de Juiz de Fora, órgãos e instituições de saúde de diversas cidades da região.

Na cidade, foram escolhidos três hospitais de referência: Hospital e Maternidade Santa Therezinha de Jesus (HMTJ), Hospital Universitário da Universidade Federal de Juiz de Fora (HU-UFJF) e Hospital Doutor João Penido. Juntos, esses hospitais contam atualmente com 29 leitos preparados para receber pacientes com a Covid-19.

Além da definição dos hospitais de referência, a Superintendência de Saúde separou grupos de cidades que terão hospitais para primeiro atendimento. As cidades mais próximas a Juiz de Fora terão como primeiro atendimento para casos de coronavírus a Unidade de Pronto Atendimento (UPA) do Bairro São Pedro.

Hospitais nas cidades de São João Nepomuceno, Bicas, Mar de Espanha, Lima Duarte, Rio Preto, Andrelândia e Bom Jardim de Minas estão capacitados para realizar os primeiros atendimentos e a triagem.

O MPMG também sinalizou a possibilidade do Hospital de Santos Dumont também se tornar referência na região para os casos de coronavírus, já que também conta com leitos de UTI.

Fonte: Portal G1