A Guarda Civil de Valência, Espanha, deteve dois casais de escaladores que foram pegos no meio da parede. A notícia foi divulgada pelo jornal espanhol Levante.

Os agentes do grupo de intervenção e resgate nas montanhas (Greim) foram para a área de escalada de Marxuquera dentro dos serviços que a Guarda Civil está realizando para controlar o cumprimento da quarentena.

O homem de 30 anos e a mulher de 28 anos, que são cidadãos suecos, foram punidos de acordo com a legislação vigente, que exige confinamento e os impede de sair de casa se não for por motivos de trabalho ou de saúde. De fato, qualquer atividade ao ar livre é expressamente proibida para garantir o confinamento da população.

Além disso, os agentes sancionaram um segundo casal, composto por um argentino de 26 anos e uma polonesa de 34 anos, que estavam dentro de uma van, no estacionamento da área de escalada, com todo o equipamento preparado para iniciar a escalada.

Espanha tem explosão de mortos

O governo espanhol aprovou no último final de semana um fortalecimento de medidas para conter a disseminação do coronavírus, que matou 838 pessoas no último dia. Ao todo, 7.340 pessoas morreram por Covid-19 no território espanhol.

O número é o segundo maior no mundo, menor apenas que o da Itália, que teve 10.779 mortes.

A medida vinha sendo exigida por comunidades como a Catalunha. O novo coronavírus está se espalhando muito rapidamente na Espanha, que até o início de março incentivou que a população saísse às ruas em manifestações políticas.

Fonte: Blog de Escalada