No último dia 3 de março eram 20.381 casos prováveis e agora são 25.877

Por NATÁLIA OLIVEIRA

Em todo o ano passado, 480.609 casos prováveis de dengue foram notificados em Minas

Minas Gerais registrou 5.496 novos casos prováveis de dengue em uma semana, de acordo com balanço da Secretaria de Estado de Saúde (SES) divulgado nesta terça-feira (10). No último dia 3 de março, eram 20.381 casos prováveis e agora são 25.877.

O número de óbitos confirmados permanece o mesmo: um, na cidade de Medina, na região do Vale do Jequitinhonha. Outras 15 mortes ainda estão sob investigação. São cinco novos óbitos em apuração desde o último balanço, quando eram dez mortes em investigação. 

A cidade que mais apresentou casos prováveis de dengue em 2020 foi Pará de Minas, no Centro-Oeste do Estado, com 783 registros, seguida por Tocantins, na Zona da Mata com 499 casos.

Outras doenças causadas pelo mosquito Aedes aegypti 

Em relação à Febre Chikungunya, em Minas Gerais, foram registrados em 2020, até o momento, 480 casos prováveis. No boletim anterior eram 403 casos, ou seja um aumento de 77 casos em uma semana.

Já em relação à Zika, em 2020 foram registrados 168 casos prováveis, sendo 36 em gestantes. No último boletim eram 130 casos prováveis, sendo 18 em gestantes. 

2019

Em todo o ano passado, 480.609 casos prováveis de dengue foram notificados em Minas. Houve a confirmação de 179 óbitos, e 77 ocorrências permanecem em investigação.