O Liberfolia, que aconteceu entre 22 a 25 de fevereiro, ficou na história de Liberdade no Carnaval de 2020. A festa mais popular do Brasil teve como protagonista os animados blocos, conduzidos pelos próprios libertenses, como: o Itinerário, Só Vilão, As Bonecas, Canabeleza, Piranhas e Chorão, Esquina, Nega Maluca, Maluco Beleza e o Dia Interim Bebim

A festa teve uma matinê com som mecânico que foi sucesso. Todas as noites, a banda Sr. Kizomba e Tainã Falcão agitaram o público. Ainda sobre a folia, Gabriel Lima fez uma apresentação de encerramento do carnaval.

Os blocos de Liberdade são espetáculos a parte, o Bloco da Esquina foi criado e organizado por Tarcísio Altomare que juntamente com patrocinadores promoveu na terça-feira de carnaval um encontro animado entre libertenses e visitantes na esquina da Rua José Quirino da Cunha com a Avenida Ministro Barbosa Lima.

Outro sucesso de Liberdade foi o CarNejo, com uma gostosa mistura de ritmos e realizado pelo instituto Casa Barbosa (ICAB), em parceria com a empresária Paulinha Carvalho, o CarNejo ganhou espaço no Carnaval de Liberdade com uma super produção e grandes atrações como o cantor sertanejo João Diniz, que acaba de emplacar no mercado o sucesso ”Dama da Madrugada”. O jovem talento foi a estampa desse Carnaval Cultura, que veio para somar. Foram quatro dias de festa com a participação especial da dupla Talles e Wendell e o DJ Guto Silva. Na programação, a bateria unificada da cidade e um dia também voltado ao movimento Carnaval em Flor, com banda Rua 13 e vocalistas dos blocos que compõem o projeto. O intuito da parceria foi o de promover Liberdade e angaria fundos para o restauro da Casa Barbosa, futuro centro cultural na cidade. A praça, onde está situada a Casa Barbosa, ganhou cores e vida com os foliões.

Material enviado por: Prefeitura Municipal de Liberdade e Redes Sociais

Informações e fotos: Blocos participantes / CarNejo / Redes Sociais