O dia 28 de fevereiro ficou marcado na história da Educação de Seritinga pela realização de um sonho: a inauguração do Centro Municipal de Educação Infantil, o CMEI. A solenidade aconteceu com a presença do prefeito Marco Antônio Mansur Moreira, do vice-prefeito Amauri Manoel de Castro, do presidente da Câmara vereador José Clério Ferreira, da secretária de Educação Maria Cândida Bianco Silva, da coordenadora da Educação Infantil Eloiza Helena Castro Diniz, do diretor da Escola Ministro Clóvis Salgado Ubirajara Moreira do Nascimento e do pároco municipal Pe. Taquinho. Também se fizeram presentes os vereadores seritinguenses Marcelo Bianco de Castro, vice-presidente da Casa, Aldair José de Carvalho, secretário da Câmara, Roberto Pinto de Souza e Jaime José da Silva, o prefeito de Carvalhos Antônio de Pádua, os vereadores carvalhenses Célio Anízio Arnaut, presidente da Câmara, e João Dimas Araújo, além da equipe de secretariado da Prefeitura de Seritinga, profissionais da Educação municipal, comunidade e o deputado estadual Professor Cleiton de Oliveira.

A primeira a falar foi Eloiza Helena Castro Diniz, que ressaltou a importância do espaço para o município e para as crianças. “Hoje é um dia muito importante para todos nós seritinguenses. É um dia especial, porque a inauguração desse centro de educação infantil é uma grande conquista para nosso município, principalmente para nós educadores. A gente que trabalha com essa etapa, essa faixa etária, é mais importante ainda”, comentou. “Antigamente, a creche era o lugar onde as mães deixavam os filhos para trabalhar fora. Era mais um espaço de cuidado, não se preocupavam com a educação, priorizavam o biológico, a higiene e alimentação, e era focado nisso, somente nisso: na guarda. Hoje, o centro de educação infantil é o cuidar e o educar. E é o que pretendemos fazer aqui: cuidar, que são os cuidados necessários que as crianças precisam, mas também educar, que é propor experiências significativas pautadas no brincar e nas interações, que são os dois eixos da educação infantil. Tenho certeza que nossas crianças vão encontrar um lugar onde eles possam viver a infância com o encantamento próprio da fase”, concluiu.

O prefeito Marco Antônio Mansur Moreira aproveitou o momento para agradecer. “Primeiro lugar queria agradecer a Deus, porque sem Ele a gente não poderia estar aqui na nossa luta, que não é fácil; sem Deus a gente não faz nada. Agradecer também aos vereadores, ao Padre Taquinho, ao vice-prefeito, que estamos sempre caminhando juntos. Agradecer à diretora Simonia, que vem lutando bastante para nossa educação estar sempre melhorando; agradecer à minha irmã que hoje é ex-secretária de Educação e que se empenhou bastante para que saísse essa escola. Agradecer aos visitantes, o prefeito e os vereadores de Carvalhos, que são companheiros da gente e agradecer ao Wilson, nosso diretor de obras, que está sempre presente e sempre à disposição para fazer as obras. E agradecer a todos os funcionários da prefeitura, que sem eles a gente não faz nada; estão sempre empenhando em todas as obras que a gente faz aqui, estão sempre junto, ajudando, porque ninguém faz nada sozinho”, pontuou o chefe do Executivo.

O deputado estadual Professor Cleiton de Oliveira também deixou suas palavras durante a solenidade, destacando a importância de uma gestão ser voltada ao povo. “É uma honra voltar a essa cidade, acima de tudo porque estivemos acompanhando; como disse da outra vez, uma administração que aqui é exemplar. No meio de toda a crise que o país vive, no meio de uma política muitas vezes desacreditada (…) olhamos aqui para Seritinga e acompanhamos que é possível fazer gestão séria, gestão pública, voltada acima de tudo para o interesse comum, para aquilo que tem sido chamado pelo Papa Francisco nesses tempos de ‘geopolítica da misericórdia’”, disse.

O parlamentar também destacou o trabalho feito na Educação do município. “Sempre digo que o bom político não é aquele que pensa nas próximas eleições; o bom político é aquele que pensa nas próximas gerações. Ali na placa está uma frase do maior educador da história do Brasil que diz tudo sobre a educação: ‘Educação não transforma o mundo, educação muda as pessoas. Pessoas transformam o mundo’, Paulo Freire. E quando temos uma escola com a excelência de educadores e aqui em Seritinga os indicadores da Educação são surpreendentes. Estive esses dias fazendo um estudo sobre os indicadores da educação tanto da superintendência de Varginha quanto de Caxambu, e fiquei surpreso com os índices que a cidade tem. E quando a cidade olha para a base, olha para o fundamento, quando a cidade olha para a educação infantil e oferece uma obra como essa, moderna, com espaço, acima de tudo humanizador, onde as crianças são acolhidas a partir do momento que elas chegam, dá vontade de estudar (…). Parabéns Marquinho, parabéns a todos os vereadores e a toda população de Seritinga, que é uma população diferenciada, um povo acolhedor, trabalhador e que pode se orgulhar de mais uma obra histórica que é entregue”, finalizou.

Pe. Taquinho, pároco do município, abençoou a instituição e proferiu uma benção a todos os presentes.

O Centro Municipal de Educação Infantil foi construído com recursos próprios e irá atender a educação infantil, primeira etapa da educação básica. É nessa fase que se garante que a criança se acostume e tenha interesse contínuo pelo aprendizado a ser absorvido durante a vida. A educação infantil contribui na formação do indivíduo e, consequentemente, do cidadão ativo e participante da sociedade, pois transmite valores, regras e atitudes que serão lembrados e utilizados pelo resto da vida.

Com três salas de aula, banheiros, cozinha e refeitório, o Centro Municipal de Educação Infantil irá atender cerca de 60 alunos de 2 a 5 anos de idade. As aulas estão previstas para começar em meados de março.

Da redação: Juliana Carvalho