Recados curtinhos com relação ao 2019-nCoV, ou Coronavírus

1. Porque Corona vírus? Na verdade os coronavírus são um grupo de vírus.  Tem este nome simplesmente por terem um formato de coroa. Este grupo de vírus embora tenham todos este mesmo formato, tem DNA diferente um do outro e com ações diferentes no ser humano. Alguns são mais, outros menos agressivos.

 Esta mutação atual, que provavelmente iniciou em uma região da China, recebeu o nome de Covid 19 e no ser humano provoca sinais e sintomas nas vias aéreas

2. Os sinais e sintomas mais frequentes são equivalentes a um “resfriado” comum: secreção nasal, tosse, e espirros, que curam sem necessidade de tratamento em uma semana.  Assim é a apresentação rotineira deste novo vírus.

3. Casos mais graves e óbitos, são bastante raros, e praticamente apenas nos tais grupos de risco: idosos acima de 80 anos, imunodeprimidos, incluindo aqui os bebês com menos de 12 meses.

3. Estudos já mostram que o Covid 19 é mais frágil e menos agressivo que o H1N1, e que outros coronavírus como o responsável pela SARS.

4. Em 180 dias, pouco mais ou pouco menos, MUITO PROVAVELMENTE, teremos vacina disponível. As com estudo mais promissores são a Australiana e Americana. Mas também no Brasil há o desenvolvimento de estudos com esta finalidade.

5. Ao contrário do H1N1, este vírus não responde ao tamiflu e outros antivirais.

6. É impossível conter o avanço desta mutação do coronavírus. Em 1 ou 2 anos, muitos, para não dizer todos os Baependianos por exemplo, já teremos tido infecção convid 19, a maioria sem se dar conta disto. Assim como com certeza, todos nós já tivemos o H1N1, tão temido e falado há alguns anos.

7. O mais importante em minha ótica: na China morrem habitualmente, no rigoroso inverno deles, 7000 pessoas de viroses respiratórias: influenza, streptococos pneumonie, parainfluenza. Estes casos são também, especialmente, nos mais idosos ou nos imunoderprimidos. Este ano, por causa do coronavirus, devem morrer uns 15% a mais. Em torno de 9000.

8. Sim! Seu filho pode continuar a ir à escola, inclusive nos transportes habituais, não é preciso usar máscaras ou qualquer cuidado extra.

8. Em caso de sinais e sintomas respiratórios (tosse, espirros, febre) recomenda-se descartar as doenças respiratórias mais comuns e adotar o protocolo de tratamento de influenza oportunamente para evitar casos graves e óbitos por doenças respiratórias conhecidas, quando indicado.

9. No Brasil, Pais tropical ao contrário dos locais onde o vírus iniciou-se a mutação, deve ter um comportamento diferente, provavelmente menos agressivo. Aqui em nosso Sul de Minas, com clima semitropical de montanha, talvez tenhamos um pouco mais de problemas, um pouco mais de casos.

A conclusão é que o este Coronavírus parece não ser tão feio quanto parece.

Dr. Edson Lopes Libanio é o atual Presidente da Regional Sul da Sociedade Mineira de Pediatria (pela 5º vez). É diretor Médico da Clínica Baependi. Foi diretor algumas vezes da Sociedade Mineira de Pediatria e da Sociedade Brasileira de Pediatria. Foi Auditor Medico do Ministério da Saúde por 30 anos. Foi Pediatra da SES MG. Tem inúmeros outros cargos classistas em sua história de vida, desde Diretor Clinico do HCMR, algumas vezes até da diretoria da AMMG. Mas gosta de ser apresentado mesmo como um Pediatra do interior